13 de agosto de 2010

raízes







Um dia as folhas da árvore secaram, mas acontece que suas raízes eram fortes e estavam fincadas no chão e, na primeira chuva, esverdeou novamente...



(ana maria de abreu siqueira)






foto: ana maria de abreu siqueira

5 comentários:

Rolando disse...

Oi. Muito legal aqui. Gostei. Apareça por lá. abraços.

Eduarda Reis disse...

Amei o texto

=)

continue assim...

Ana C. disse...

poucas palavras tu já diz muito.
beijão

Aramis Neto disse...

As raízes tem um importante papel. São elas que determinam a fortaleza da árvore.

Quem vê a árvore seca e não a conhece, tem a certeza de que já está morta. Contudo, aqueles que a conhecem, estão bem certos em seus corações, que quando chegar o tempo tão esperado, ela ressurgirá mais linda do que nunca.

É engraçado como são as coisas. Jesus não ressucitou ao meio dia. Nem no fim da tarde.
Ele reapareceu exatamente ao surgir dos primeiros raios de sol. E não foi como a árvore seca do golgota. Foi como a mais verde de todas as árvores já vista pelos homens.

O essencial é invisível aos olhos.

Um abraço e uma prece.

Akemi de Queiroz Sakaguchi disse...

As vezes isso acontece comigo, qdo penso que não vou levantar mais, já estou correndo de novo. bjinhos.