1 de abril de 2006

Morro de tédio quando não tenho em quem descarregar todos os carinhos que conservo em mim. Ai, meu Deus! A vontade que tenho é de sair osculando por aí! Mover meu corpo em outro corpo até faiscar. Roçar meu umbigo, até sair dos eixos. Fico enfadada se não me desorientar em olhares.
(ana maria de abreu)
(Imagem do filme Cidade do Anjos)

4 comentários:

Sidarta disse...

Oscular. Taí uma palavrinha que eu não conhecia... Até encontrar no dicionário, milhões de conceitos vieram à minha cabeça. E olhe que não levou mais de 1 minuto até eu achar o significado. Beijos, minha querida osculeira!!!

Gabi Gruska disse...

Ái como minha amiga é inteligente, rsrs...
E você não gostaria de sair por aí praticando "amplexos" também não?? kkkkkkkkk
Eu queria ó, os dois, oscular e amplexar, kkkkkkk

neotenia disse...

AMPLEXO!Amei esta palavra!

Adriano disse...

amei essa poesia,as vezes sinto o mesma coisa...!!bjus..